Ministro da Defesa visita unidade industrial de material bélico no município de Itajubá, Minas Gerais

Ministro da Defesa visita unidade industrial de material bélico no município de Itajubá, Minas Gerais

Na quinta-feira (17), o Ministro da Defesa, Fernando Azevedo, esteve na Indústria de Material Bélico do Brasil (IMBEL), unidade de Itajubá, Minas Gerais. Acompanhado pelo Secretário de Produtos de Defesa do Ministério da Defesa, Marcos Degaut, pelo Diretor Presidente da Imbel, Aderico Mattioli, e pelo Chefe de Fábrica, Coronel Délcio Monteiro Sapper, ele conheceu as instalações da fábrica e os produtos ali desenvolvidos.

MD_NOTICIAS_20200917_NOT04_F02.jpeg

A unidade itajubense tem, na sua linha de produção, armas longas e curtas, fundamentais para os treinamentos e atividades militares. “É uma visita muito oportuna em uma empresa que é estratégica para as Forças Armadas”, comentou o ministro.

O Secretário de Produtos de Defesa, Marcos Degaut, destacou que a Imbel, empresa pública vinculada ao Ministério da Defesa por intermédio do Comando do Exército, está em processo para tornar-se independente, ou seja, desvinculada do orçamento da União, passando a operar apenas com receita própria. “Ao se tornar não dependente, ela poderá oferecer seus produtos, não apenas às Forças Armadas, mas a todo mercado”, pontuou.

MD_NOTICIAS_20200917_NOT04_F01.jpeg

Entre os equipamentos vistos, a comitiva verificou o Fz Ass IA2, primeiro fuzil de tecnologia autenticamente brasileira. Essa arma foi adotada e testada pelo Exército, bem como adquirida pelas Polícias Militares. O grupo ainda percorreu a exposição de Material de Comunicações e Eletrônica (FMCE). A mostra reúne portfólio variado e alinhado com as mais recentes novidades em termos de Comando e Controle de emprego militar.

Nesta sexta-feira (18), Fernando Azevedo visitará a unidade da Imbel no município mineiro de Juiz de Fora, que é responsável pela fabricação de munições. Na oportunidade, ele vai conhecer produtos, serviços e as potencialidades da fábrica.

A Imbel
A Imbel tem sede em Brasília e possui cinco unidades, sendo uma em São Paulo, no município de Piquete, duas no Rio de Janeiro, na capital e em Magé, e duas mineiras, em Itajubá e Juiz de Fora. Fuzis, pistolas, carabinas, munições, pólvora e explosivos são os principais produtos fabricados e comercializados pela Imbel. Além desses, desenvolve equipamentos de comunicações e eletrônica e sistemas de abrigos temporários de campanha, humanitários e de defesa civil. É a única empresa no Brasil que fabrica nitrocelulose militar, produto básico na fabricação de pólvora para munições.

Por Mariana Alvarenga e Pedro Sardinha, com informações da Comunicação Social da Imbel
Fotos: Alexandre Manfrim

(MD ASCOM/FM)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *