Aeronáutica, Ministério da Defesa — 20 de dezembro de 2017 8:07 pm

Força Aérea condecora personalidades do Brasil e do exterior na comemoração do 144° aniversário de Alberto Santos Dumont, Patrono da Aeronáutica

Uma cerimônia militar realizada no dia 20 de julho, na Ala 1, em Brasília (DF), comemorou o 144º aniversário do Marechal do Ar Alberto Santos-Dumont, Patrono da Aeronáutica e Pai da Aviação. O evento também marcou a entrega da Medalha Mérito Santos-Dumont a 181 militares das Forças Armadas nacionais e estrangeiras, além de autoridades e personalidades civis brasileiras e do exterior.

Solenidade foi realizada na Ala 1, em Brasília

A solenidade foi presidida pelo Ministro da Defesa, Raul Jungmann, acompanhado pelo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, e também contou com a presença de Oficiais-Generais da Força Aérea Brasileira, da Marinha e do Exército, dentre outras autoridades militares e civis.

O Embaixador da Colômbia, Alejandro Borda, um dos agraciados, falou sobre o significado da Medalha para o país. “Pra mim, pessoalmente, é uma grande honra, mas eu recebo essa condecoração em nome do Governo e do povo colombiano. Representa uma excelente amizade que existe entre nossas nações, especialmente, entre nossas Forças Aéreas e Forças Militares em geral. É um momento histórico”, avaliou.

Ministro da Defesa, Raul Jungmann presidiu a solenidade militar

Recentemente, a Esquadrilha da Fumaça se apresentou em Rionegro, na Colômbia, representando a Força Aérea Brasileira (FAB) na feira aeronáutica F-Air Colômbia 2017.

Além da Colômbia, também foram homenageados representantes da Suécia, Chile, Espanha, Suriname e Peru.

Para o Sargento José Carlos Lima de Souza, receber a Medalha Mérito Santos-Dumont significa um reconhecimento pelos serviços prestados à FAB. “Tenho 25 anos de serviço e é uma satisfação muito grande receber essa medalha, tendo em vista que comecei minha carreira como Recruta e jamais esperava receber tão grande honraria. Graças ao trabalho e dedicação, hoje, recebo essa medalha com muito orgulho”, disse o militar, que também já foi agraciado com a Medalha Bartolomeu de Gusmão. “Mas essa, com certeza, tem uma honraria diferente”, complementou.

“É uma honra receber essa condecoração por tudo o que representa Santos-Dumont para a aviação não só brasileira, mas mundial. Então, estou bastante lisonjeado. Hoje, é um dia de comemorações e de homenagens a esse grande brasileiro”, destacou o Advogado Carlos Sérgio dos Santos Monteiro, ao receber a sua comenda.

O Comandante da Aeronáutica ressaltou a importância de homenagear os agraciados com a Medalha Mérito Santos-Dumont. “As pessoas que foram condecoradas no dia de hoje tiveram participação dentro do contexto de Aeronáutica no Brasil. Todas elas são merecedoras. A medalha é um símbolo importante, que expressa essa valorização que nós damos para o Santos-Dumont e para o trabalho dessas pessoas comuns e desses militares para a Força Aérea Brasileira”, afirmou o Tenente-Brigadeiro Rossato.

Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato

Além de Brasília, a solenidade em homenagem ao Patrono da Aeronáutica aconteceu em 23 cidades do Brasil e 24 países. Neste ano, ao todo, foram 663 agraciados com a medalha “Mérito Santos-Dumont”.

A comenda foi criada em 1956, durante as comemorações do cinquentenário do voo do 14-Bis. A distinção é um reconhecimento aos militares das Forças Armadas Nacionais e Estrangeiras e aos cidadãos brasileiros e estrangeiros que tenham prestado notáveis serviços à Aeronáutica Brasileira.

Foto: 1S Johnson Barros e 2S Bianca Viol/CECOMSAER

(CECOMSAER/ FM)

Deixe uma resposta

— required *

— required *