Marinha — 3 de outubro de 2017 8:52 pm

Marinha celebra 900 edições do “Nomar” e reúne ex-diretores do CCSM

Uma cerimônia no salão nobre do Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro (AMRJ), no dia 03 de maio, marcou a celebração da edição 900 do periódico mensal “Nomar”. A ocasião reuniu ex-diretores do Centro de Comunicação Social da Marinha (CCSM) e contou com a presença do Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Eduardo Bacellar Leal Ferreira, e do Diretor do AMRJ, Vice-Almirante, Engenheiro Naval, Mario Ferreira Botelho. Durante o evento, foi comemorado ainda os 56 anos do CCSM.
Entre os ex-diretores presentes, estavam: o Almirante de Esquadra reformado Kleber Luciano de Assis, diretor do CCSM entre 1992 e 1995; o Vice-Almirante Cláudio Portugal de Viveiros, atual Comandante do 1º Distrito Naval; e o Capitão de Mar e Guerra Paulo Freire, idealizador do “Nomar”, em 1965.
A Comunicação Social na Marinha foi iniciada em 05 de abril de 1961, com o Serviço de Relações Públicas da Marinha (SRPM), que na época era uma das assessorias do então Gabinete do Ministro da Marinha. Em 30 de maio de 2006, tornou-se o atual Centro de Comunicação Social da Marinha, com sede na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, e instalação também no Rio de Janeiro (RJ).
O primeiro exemplar do periódico foi lançado em 29 de outubro de 1965, intitulado “Notícias da Marinha”, criada pelo SRPM, sob a direção do então Capitão de Fragata Paulo Freire. Na sua 8º edição, no ano de 1967, passou a ser conhecida como “Nomar”, ganhando seu primeiro exemplar em cores no ano de 1971. No ano de 2005, foi ao ar, pela primeira vez, a versão digital.
Nesses 52 anos, o periódico apresenta notícias sobre as atividades desenvolvidas pela Marinha, dentro e fora do País, sendo, muitas vezes, uma das principais fontes de informações para os militares da Força, que exercem suas funções em lugares de acesso restrito.

(CCSM/FM)

Deixe uma resposta

— required *

— required *