Aeronáutica, Ministério da Defesa — 1 de agosto de 2017 6:28 pm

Ministro da Defesa, Raul Jungmann, conhece Centro de Lançamento de Alcântara

Ministro da Defesa conhece Centro

O Ministro da Defesa, Raul Jungmann, conheceu no dia 12 de abril, o trabalho e a estrutura do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA). A unidade da Força Aérea Brasileira (FAB), localizada no Maranhão, executa atividades de lançamento e rastreio de engenhos aeroespaciais e de coleta e processamento de dados das cargas úteis, além de testes e experimentos de interesse da instituição.
A visita foi acompanhada pelo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, por uma comitiva do Ministério da Defesa e membros do alto comando da FAB.
“Este Centro tem as melhores condições geográficas e também em termos de equipamento é o melhor do hemisfério sul. O Brasil tem muito a lucrar com Alcântara”, afirmou o ministro. É a primeira vez que Jungmann conhece o CLA desde que assumiu o Ministério da Defesa em 2016.
Jungmann ressaltou a importância do CLA para o desenvolvimento do País. “Dado o mercado hoje e o valor de um lançamento, que pode girar de 30 a 120 milhões de dólares, nós temos condições aqui de gerar recursos da ordem de 1,2 a 1,5 bilhão de dólares ao ano para o Brasil”. O ministro também falou que poderá haver parcerias com outros países para a expansão do projeto em Alcântara. “Rússia, França, Israel e Estados Unidos já demonstraram interesse. Também garantiremos a participação de empresas e órgãos nacionais”, destacou.
O ministro visitou o Centro de Controle – local que coordena as atividades de lançamento; o Centro de Controle Avançado – instalação mais próxima à área de lançamento, onde trabalha a equipe responsável pela integração do motor-foguete à carga útil dos veículos e pela segurança terrestre; e a Torre Móvel de Integração – plataforma de lançamento do principal foguete de fabricação nacional, o Veículo Lançador de Satélites (VLS), e futuramente do VLM (Veículo Lançador de Microssatélites).
Após conhecer as instalações, o ministro realizou um sobrevoo de helicóptero sobre a área do CLA. “Para trazer ganhos aos setores envolvidos com o espaço, é preciso explorar toda a extensão existente. Afinal, as comunicações, a defesa, o meio ambiente estão relacionados com a área espacial, enfim, uma infinidade de atividades importantes para o Brasil estão atreladas ao espaço”, pontuou.
O Centro de Lançamento de Alcântara opera há 34 anos, desde sua criação, em 1º de março de 1983. Ao todo, 475 veículos já foram lançados pelo CLA. A unidade possui em torno de 900 militares e servidores civis, que atuam nas áreas de lançamento e no apoio e suporte às atividades que envolvem as operações realizadas pelo CLA, como administração, logística, pessoal, saúde, segurança, entre outras.

Foto: CECOMSAER

(CECOMSAER/ FM)

  • Compartilhar:
  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • Digg

Deixe uma resposta

— required *

— required *