Ministério da Defesa — 5 de maio de 2017 6:34 pm

Panorama Militar

MD comemora redução do consumo de água e chama atenção para utilização consciente dos recursos hídricos

MD comemora

No Dia Mundial da Água o Ministério da Defesa (MD) comemora uma redução de 23% do consumo de água no acumulado dos meses de janeiro e fevereiro deste ano na comparação com o mesmo período de 2016. O balanço foi apresentado pela Secretaria Organização Institucional (SEORI).
De acordo com o titular da SEORI, Franselmo Araújo Costa, a economia mostra o compromisso dos servidores do ministério com o consumo consciente. “Como gestores públicos, essa economia, além de significativa em termos de redução de despesas, serve como um exemplo de uso racional e sustentável deste bem finito e tão valioso para toda a sociedade” afirmou o secretário.
Além de incentivar o consumo consciente por meio de campanhas internas de comunicação, o Ministério da Defesa tem reduzido constantemente o uso do recurso. Um exemplo são as fachadas do prédio principal e anexo que são limpas, apenas, com produto de limpeza.
As viaturas oficiais, que antes eram lavadas mais de uma vez por semana, passaram a ser limpas, semanalmente, sempre utilizando baldes com água ao invés de mangueira de alta pressão. Adesivos com dicas de economia também estão espalhados em banheiros e vários pontos estratégicos dos blocos “Q” e “O”.

Todos podem economizar

O Distrito Federal está com o nível dos reservatórios de água abaixo do esperado e, desde janeiro deste ano, tem sido realizado o racionamento para tentar sanar o problema. “A economia de água tem como objetivos primordiais a preservação do meio ambiente, a redução de despesas e a cooperação com as ações governamentais em face da crise hídrica que está afetando o DF”, explicou o gerente de Patrimônio, Obras e Serviços (GEPOS), General José Rosalvo Leitão de Almeida.
Os servidores do MD também podem colaborar por meio do consumo consciente: as torneiras dos banheiros devem ser acionadas somente quando a água for ser utilizada e a válvula de descarga poderá ser apertada apenas pelo tempo necessário.

Foto:  MD ASCOM

(MD ASCOM/ FM)

Coelho/ ESG 95

  • Compartilhar:
  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • Digg

Deixe uma resposta

— required *

— required *