Encontro debate temas de pesquisas na área de Defesa Nacional

Encontro debate temas de pesquisas na área de Defesa Nacional

pag 24

Um encontro para acompanhar e debater os temas de pesquisas na área de Defesa Nacional e Segurança internacional. Esse é o objetivo da série de palestras realizadas pelo Programa de Apoio ao Ensino e à Pesquisa Científica e Tecnológica em Defesa Nacional (Pró-Defesa), no dia 26 de dezembro, no auditório do Ministério da Defesa (MD), em Brasília (DF).
Sob a coordenação do Departamento de Ensino (DEPENS) do MD, o Pró-Defesa foi criado em 2005 em parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). O Programa está em sua terceira edição e cada ciclo tem duração de quatro anos.
O objetivo do Pró-Defesa é fomentar a pesquisa, por meio da concessão de bolsas de estudos, de temas de interesse para a Segurança internacional e a Defesa Nacional. Atualmente, estão em andamento 12 projetos de pesquisas, sendo quatro da área de ciências humanas e oito da área de ciências exatas.
“A realização desse encontro do Pró-Defesa 2015 é para avaliarmos os andamentos das pesquisas. É uma questão de gestão dos projetos e, mais do que isso, serve para envolvermos os setores de interesse das três Forças, Marinha, Exército e Aeronáutica, para dialogarem com os pesquisadores conforme a necessidade de cada um”, explicou o coronel Celso Bueno da Fonseca, gerente da Divisão de Cooperação do DEPENS.
Ao longo do dia, foram apresentados projetos como “O Brasil e a Segurança no Atlântico Sul: Política Externa e a Estratégia de Defesa” (PUC-RJ); “A inserção brasileira em um Sistema Internacional em transformação: alcances e possibilidades na Segurança internacional e na Defesa” (UNESP); “Cenários internacional e regional de Segurança e Defesa: uma abordagem civil-militar” (UFF-RJ); “Desenvolvimento de materiais e compósitos para blindagem balística” (UFSC) e “Estudos Estratégicos em Defesa Nacional e Educação Nacional e Ensino Militar no âmbito das aplicações forenses do DNA” (UERJ).

Foto: Tereza Sobreira/ MD

(MD ASCOM/ FM)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *